14 abril 2017

Benfica, Sporting e Braga seguem o mesmo jogador; Leões tentam resolver 'problema' no plantel

A época ainda não terminou, mas toma-se cada vez mais como um dado adquirido a saída de Luc Castaignos, o avançado holandês que o Sporting contratou no passado defeso ao Eintracht Frankfurt e cuja passagem pelo reino do leão tem configurado um rotundo fracasso. Contudo, o jornal O Jogo diz ter como seguro que é objetivo definido por parte da administração da Sporting SAD obter retorno ou, no mínimo, reaver a cifra investida na compra do atleta: 2,5 milhões de euros por 80% do passe.
A prioridade passa por transacionar o dianteiro de 24 anos para os emergentes e endinheirados mercados de Médio Oriente e Ásia. Contudo, o europeu é o que reúne a preferência do jogador.
Infeliz por não se conseguir impor na passagem pelo Sporting, depois de um longo namoro entre as partes até à sua contratação – oficializada a 28 de agosto passado –, Luc Castaignos há muito faz planos fora de Alvalade, onde sente ter pouco presente e ainda menos perspetivas de futuro. Um dos muitos reforços que apetrecharam o plantel de Jorge Jesus para atacar 2016/17, Castaignos teve sempre um papel secundário ao longo de uma estação que defraudou as muitas expectativas geradas, depois de na temporada anterior os lisboetas terem ombreado até final com o grande rival Benfica pela conquista do título, que fugiu para a outra banda da Segunda Circular. Castaignos tem até ao momento 12 partidas disputadas de leão ao peito, sendo que apenas em quatro delas surgiu no onze inicial. Golos até agora... nem vê-los; esses têm pertencido em larga medida ao seu compatriota Bas Dost. Com o camisola 20 blindado pelos 60 milhões de euros constantes da cláusula do contrato que a une a Castaignos até 2019, a sociedade anónima verde e branca já se encontra no terreno a estudar qual a colocação mais vantajosa para todas as partes, mas com a prioridade a recair claramente sobre a vertente financeira. Salvo qualquer mudança nas linhas que orientam a gestão do futebol leonino, Castaignos é para vender... sem perder dinheiro.

Lateral brasileiro está referenciado por Benfica e Sporting com o Sp. Braga na expectativa. Segundo o DN, Patrick Vieira, o quarto futebolista mais utilizado pelo Marítimo no campeonato, está a ser seguido atentamente por Benfica e Sporting, razão pela qual se tem recusado insistentemente a renovar com o Marítimo o contrato que termina no final da presente temporada. O DN escreve ainda que o Sporting de Braga, que já tem assegurados para 2017-2018 os também maritimistas Dyego Souza e Fransérgio, já apresentou uma proposta de contrato ao defesa de 26 anos, contudo, Patrick Vieira ainda não deu qualquer resposta pois pretende perceber se as observações que Benfica e Sporting têm feito vão ter um seguimento nos próximos tempos, pelo que o encontro desta tarde pode ser de crucial importância para o seu futuro.
Patrick Vieira foi formado no América Mineiro e destacou-se como uma das revelações do campeonato brasileiro sub-20 em 2011, prova que foi conquistada pela sua equipa na altura. Apesar de jogar no lado direito da defesa, também pode alinhar do lado oposto, uma situação que foi recorrente ao longo da sua carreira.
Uma coisa é certa, Patrick Vieira sabe que os dois grandes de Lisboa estão atentos ao seu potencial e só se vinculará a outro clube caso Benfica e/ou Sporting não se decidam pela sua contratação, que implicará sempre gastos reduzidos pois dentro de dois meses será um futebolista livre. 

9 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizes galinhas, vamos ver se advinham.... Qual o clube ou galinheiro especialista em doping? O Nuno Assis e o Hernâni , Dizemvos alguma coisa??? Galinhas tristes, querem é galo

      Eliminar
  2. Esgana-te o Pedro guerra. Vai defender o samaris como fez o hipócrita do teu treinador

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cala-te pá! O Miguel Rosa jogou no último jogo e lançou o contra ataque do SLB quando enviou aquela bola ao poste. E ainda fez a assistência para o primeiro.

      Eliminar
    2. Ahah olha a cabeça... pois percebeste a ironia, quando não jogava era um escândalo, agora que joga é um escândalo.
      Quando é os outros é tudo normal, e isso até é um Twitter de um gajo do Porto, portanto vê lá.

      Eliminar
  4. Clubite aguda, é o que dá ter um presidente que têm registo criminal por furto,gatuno do BES em 600 milhões,vendedor de cocaína e coveiro do Alverca.Doping, não existe controlo no vosso galinheiro,senãoeram mais apanhados como o Nuno Assis e o Hernâni, só para dar 2 exemplos. Vitórias de colinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens mais exemplos para dar? Pois, bem me parecia. Já agora, Nuno Assis foi ilibado, logo nem conta. Ups...

      Eliminar
  5. O Benfica é máfia. Não prestam são todos reles. Filhos drogados, mães que se oferecem aos patrões Sportinguistas e maridos cornos, bêbados. O Benfica é uma tristeza, devia ser encerado!

    ResponderEliminar

Regras dos comentários

O Fora-de-Jogo mantém um sistema de comentários para estimular a troca de ideias e informações entre seus leitores, além de aprofundar debates sobre assuntos abordados nos artigos.

Este espaço respeita as opiniões dos leitores, independentemente das suas ideias ou divergência das mesmas, no entanto não pode tolerar constantes insultos e ameaças.

Assim o FDJ não aceita (ou apagará) comentários que:

- Contenham cunho racistas, discriminatórios ou ofensivos de qualquer natureza contra pessoas;
- Configurem qualquer outro tipo de crime de acordo com a legislação do país;
- Contenham insultos, agressões, ofensas;
- Contenham links externos;
- Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;

Não cumpridas essas regras, o FDJ reserva-se o direito de excluir o comentário sem aviso prévio.

Avisos:

- Respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados.
- Os comentários são de exclusiva responsabilidade civil e penal de seus autores e/ou “reprodutores”, participantes que reproduzam a matéria de terceiros.
- Ao postarem suas mensagens, os comentadores autorizam o FDJ a reproduzi-los no blog;

Não fique Fora-de-jogo nas suas palavras...