05 dezembro 2016

"O Benfica queixou-se da arbitragem por motivos estratégicos", dizem em Alvalade; Alvo do Benfica castigado por não renovar

Perto de ficar livre para assinar pré-contrato com qualquer clube, Haris Seferovic está de castigo no Eintracht Frankfurt, sendo cada vez menos aproveitado. O avançado suíço, na mira do Benfica para janeiro ou fim da época, jogou ontem apenas três minutos no empate 1-1 com Augsburgo, no campeonato alemão. Nas duas jornadas anteriores, participou em 20 minutos contra o Borússia Dortmund (vitória 2-1) e nem sequer saiu do banco diante do Werder Bremen (outro triunfo 2-1).
O internacional suíço foi alvo de conversas em agosto entre dirigentes encarnados e germânicos. Um encontro em novembro também foi feito para discutir eventual negociação.
Ciente da possibilidade de ver Seferovic sair sem custos em junho, o Eintracht ainda mantém o desejo de conseguir a renovação, mas também está disposto a vendê-lo em definitivo em janeiro. O emblema alemão aceita cerca de dois milhões de euros para negociá-lo de imediato.
Com 12 partidas na atual temporada, o avançado de 24 anos marcou apenas dois golos até então.

"O Benfica queixou-se da arbitragem por motivos estratégicos". Em declarações à SIC Notícias, Nélson Pereira, treinador de guarda-redes do Sporting, garantiu que os leões irão para o dérbi com a ambição de vencer o Benfica.
"Estamos focados no jogo de quarta-feira [com o Légia], mas sabemos a importância destes jogos. É o jogo mais apaixonante do futebol português. É um jogo que queremos ganhar e isso faz parte do nosso ADN. Jogamos sempre para ganhar e este não vai fugir à regra. É um jogo que vale três pontos como os outros. Se ganharmos temos a possibilidade de passar para a frente", destacou.
O técnico confessou ainda que os encarnados queixaram-se da arbitragem na Madeira, diante do Marítimo, por motivos estratégicos.
"Há dois momentos em que o Benfica se queixou da arbitragem este ano: foi no empate com o V. Setúbal e foi agora. Neste aqui até percebo, por motivos estratégicos", disparou.

6 comentários:

  1. "Ouve" falta? Eu já "ouvi" muitas atoardas mas esta é sublime! Mas quero concordar consigo porque "Ouve" falta : Falta de jeito do ederson ao não sair da baliza numa bola que era dele pois o lance é na pequena área, falta de jeito do super central lindelof que tem uma cláusula de 30 milhões, o Manchester oferece 45 milhões e o benfica exige 60 milhões?! AhAhAhAh! Nunca acabem por favor!
    PS - já não consigo falar do Luisao por respeito à terceira idade.

    ResponderEliminar
  2. Claro que houve falta em todos os cantos a favor do marítimo, existiu falta a partir do momento em que o jogador do marítimo faz bloqueio / bloqueia o guarda redes.
    Existe também um pênalti a favor do Benfica por assinalar e ainda um "critério largo" de um árbitro medíocre, sem preparação física e mental para um jogo de primeira liga.

    ResponderEliminar
  3. E eu a pensar que a unica falta que houve na Madeira, foi a do próprio boifica... falta de comparência ou de competência é que já não sei bem qual foi.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falta de competência é estar a levar 3 secos do rio ave... ao intervalo.
      O Nelson ontem, com os comentários, ou a falta deles neste caso, demonstrou o roubo que foi o jogo da madeira. Quando se engasga a falar do lance do Ederson.. está tudo dito

      Eliminar
    2. Isso mesmo. Tal e qual como estar a levar 3 em casa, ao intervalo, num recente carnidinho-Sporting.
      Aposto que te lembras e que adoras dar tiros nas patas.

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar

Regras dos comentários

O Fora-de-Jogo mantém um sistema de comentários para estimular a troca de ideias e informações entre seus leitores, além de aprofundar debates sobre assuntos abordados nos artigos.

Este espaço respeita as opiniões dos leitores, independentemente das suas ideias ou divergência das mesmas, no entanto não pode tolerar constantes insultos e ameaças.

Assim o FDJ não aceita (ou apagará) comentários que:

- Contenham cunho racistas, discriminatórios ou ofensivos de qualquer natureza contra pessoas;
- Configurem qualquer outro tipo de crime de acordo com a legislação do país;
- Contenham insultos, agressões, ofensas;
- Contenham links externos;
- Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;

Não cumpridas essas regras, o FDJ reserva-se o direito de excluir o comentário sem aviso prévio.

Avisos:

- Respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados.
- Os comentários são de exclusiva responsabilidade civil e penal de seus autores e/ou “reprodutores”, participantes que reproduzam a matéria de terceiros.
- Ao postarem suas mensagens, os comentadores autorizam o FDJ a reproduzi-los no blog;

Não fique Fora-de-jogo nas suas palavras...