23 novembro 2016

Acusações de pedido de boa arbitragem em jogo do...Benfica enviadas para o CJ

O processo de inquérito aberto na sequência das acusações do ex-árbitro Marco Ferreira a Vìtor Pereira, antigo presidente do Conselho de Arbitragem, foi enviado para o Conselho de Justiça (CJ), depois de o Conselho de Disciplina (CD) se ter declarado "incompetente" para decidir sobre o tema.
A 5 de julho do ano passado, o antigo internacional madeirense revelou em entrevista à RTP que Vítor Pereira lhe ligou por duas vezes antes de um Rio Ave-Benfica a avisá-lo que "o jogo tem de correr bem porque há um clássico no mês seguinte". "Se isto é mais grave ou não do que os clubes fazem...", referiu.
Ora, perante estas declarações, foi aberto um processo de inquérito. Ao fim de quase um ano e meio, a Comissão de Instrutores da Liga é "estatutária e regulamentarmente incompetente para dirigir este processo de inquérito", acontecendo o mesmo ao CD.
Por isso, decidiu-se a extração de certidão dos autos e do acórdão, sendo este remetidos para o Conselho de Justiça "para os estatutários e regulamentares efeitos disciplinares".

16 comentários:

  1. Enviamos um convite para o teu email :)

    ResponderEliminar
  2. Ui, pediram uma boa arbitragem... q malandros!

    ResponderEliminar
  3. Um chefe a pedir ao seu subordinado que faça bem o seu trabalho!! Realmente ninguém consegue julgar este caso...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tchi! Pelos vistos não leu as entrevistas do MF... Branco mais branco não há

      Eliminar
    2. MF: "Nunca disse que Vítor Pereira me pediu para beneficiar o Benfica"... Branco mais branco não há!

      Eliminar
  4. Processo a engonhar como convém a muitos. Uma das maiores vergonhas do nosso futebol.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estranho era se o chefe pedisse ao subordinado para fazer um mau trabalho. Acho que neste caso foi pedido o contrário e até lhe deu um doce.... disse-lhe que havia um derbi no mês seguinte. Ou seja, se fizeres um bom trabalho pode ser que sejas recompensado com a arbitragem desse jogo.

      Eliminar
  5. Do Conselho Disciplina para o Conselho Justiça. Depois do Conselho Justiça para o Conselho dos Electricistas. Do Conselho dos Electricistas para o Conselhos dos Marrecos. E andamos nisto até que prescreva?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carneiro és tu...
      Ve as coisas como elas são

      Eliminar
    2. xo carneiro meeeeeeeee!!!!

      Quando o teu patrão te chamar e disser que trabalhes bem, põe o em tribunal!!!

      Meeeeeeeeeeeeeeeeeeee

      Eliminar
  6. Estranho é que o faça só nos jogos do Benfica, ou isso vcs ainda não entenderam?

    ResponderEliminar
  7. Ele até pode ir pastar milhões de vezes, mas as coisas são como são: afinal os pobres lesados dos anos 90 o que queriam era um apito encornado... Devíeis ficar a jogar sozinhos, ó mais, melhores, grandes...

    ResponderEliminar

Regras dos comentários

O Fora-de-Jogo mantém um sistema de comentários para estimular a troca de ideias e informações entre seus leitores, além de aprofundar debates sobre assuntos abordados nos artigos.

Este espaço respeita as opiniões dos leitores, independentemente das suas ideias ou divergência das mesmas, no entanto não pode tolerar constantes insultos e ameaças.

Assim o FDJ não aceita (ou apagará) comentários que:

- Contenham cunho racistas, discriminatórios ou ofensivos de qualquer natureza contra pessoas;
- Configurem qualquer outro tipo de crime de acordo com a legislação do país;
- Contenham insultos, agressões, ofensas;
- Contenham links externos;
- Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;

Não cumpridas essas regras, o FDJ reserva-se o direito de excluir o comentário sem aviso prévio.

Avisos:

- Respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados.
- Os comentários são de exclusiva responsabilidade civil e penal de seus autores e/ou “reprodutores”, participantes que reproduzam a matéria de terceiros.
- Ao postarem suas mensagens, os comentadores autorizam o FDJ a reproduzi-los no blog;

Não fique Fora-de-jogo nas suas palavras...